Por Digifarma em 11/12/2015 10:12:46

Antiácido e Antitérmico: conheça perigos de medicamentos que não exigem receita

Oriente os consumidores durante a compra destes produtos


Noticias Digifarma

 

Quatro em cada cinco adultos norte-americanos tomam medicamentos expostos nos balcões das farmácias e vendidos sem receita médica, mais frequentemente para tratar doenças como dores, tosse e resfriados, febres, alergias, problemas de pele, azia e outros males digestivos.. Esses medicamentos são convenientes, estão disponíveis nas farmácias e mercados e são mais baratos do que ir ao médico e pagar, às vezes, apenas para conseguir uma receita.

 

Uma pesquisa com consumidores feita em 2001 para o Conselho Nacional de Informação e Educação do Paciente descobriu que a maioria das pessoas lê apenas partes das bulas e rótulos e, por isso, pode perder informações essenciais para o uso correto da medicação.

 

Precauções necessárias antes de tomar qualquer medicamento:

 

1- Consumidores que têm condições de saúde subjacentes ou que usam um ou mais medicamentos deveriam consultar seus médicos antes de tomar medicamentos vendidos no balcão da farmácia. Você pode solicitar ao consumidor que uma lista de todas as prescrições e medicamentos sem receita.

 

2- Antes de comprar o medicamento, o consumidor deve: ler a bula, prestar atenção se o medicamento deve ser tomado com comida ou com o estômago vazio; evitar tomar suplementos minerais e vitamínicos ao mesmo tempo; e, se tiver qualquer reação alérgica ou problemas, anotar a causa para evitar aquela substância no futuro.

 

Fonte: Guia da Farmácia


A DIGIFARMA

    No mercado de Programas de Farmácia há mais de 15 anos, O Sistema Digifarma está em constante crescimento. Com empenho dos profissionais e parceria com seus clientes, busca desenvolver um software cada vez melhor, mais robusto e completo. Com um sistema totalmente seguro e integrado, de forma a atender todas as demandas de sua loja em um único software.